CITE - Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego

Direitos e deveres dos trabalhadores e das trabalhadoras

Direitos e deveres das entidades empregadoras

Obrigações das entidades empregadoras

Proteção na parentalidade

Calculadora amamentação/aleitação dispensa diária
Calculadora
Amamentação/aleitação
Dispensa diária em caso de
tempo parcial

Conciliação entre a Vida Profissional e Pessoal e Familiar

Diálogo social

Formação

Boas práticas de igualdade no trabalho e no emprego

Disparidades salariais

Relatórios sobre o progresso da igualdade

Anúncios de oferta de emprego x Igualdade de género

Estatísticas

Legislação

Jurisprudência

Documentos estratégicos

Pareceres CITE

Pareceres prévios
Elementos obrigatórios
Horário flexível »
Tempo parcial »

Publicações CITE

Projetos CITE

Internacional

Protocolos

Conferências e eventos

CITE e os média

Centro de documentação on-line

Agendas CITE

Ligações úteis

Vídeos

Campanhas

CAMPANHA USOS DO TEMPO | 2019

USOS DO TEMPO

A CITE - Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego assinala quarenta anos de atividade ao longo de 2019. No âmbito da efeméride, que pretende sinalizar as quatro décadas de progresso pela igualdade entre homens e mulheres no mercado de trabalho, a CITE divulga uma campanha de sensibilização para a importância de “falar sobre o tempo e sobre os usos que lhe damos.”

A convite da CITE, Paula Jacob e Paulo Rufino, respetivamente gestora de conta e técnico de vendas, em conjunto com a sua filha recém-nascida, Filipa, protagonizam a campanha Tempo para termos tempo!, que pretende transmitir que a partilha do tempo de cuidado e a divisão de tarefas domésticas, entre mulheres e homens, equilibra a vida familiar e pessoal e a vida profissional.

“Todo o trabalho doméstico cabe tanto ao homem como à mulher (…) e as tarefas na nossa casa estão mais ou menos distribuídas”, são as palavras de Paula Jacob para descrever a sua visão dos usos do tempo. Paulo Rufino, por seu lado, entende que “tudo organizado, temos tempo para tudo. Não é por mais um filho que não vou ter tempo para agarrar nos 3 filhos e irmos para o parque”. Reforça que os seus dois filhos mais velhos colaboram na organização familiar e que assim, “(…) ajudamo-nos uns aos outros”. Paula frisa, contudo, que “os horários não se coadunam muito com a Família, saímos muito cedo de casa e chegamos muito tarde e agora vamos ter de nos organizar, para conseguir coordenar os horários”.

De modo unânime defendem que, para além do tempo em família, é importante para um e para outra terem tempo para si, para as atividades que valorizem e para o desporto.

Conheça melhor a família da Paula e do Paulo* e os usos que fazem do seu tempo. Agora que a Filipa nasceu, toda a família se reorganizou para melhor coordenar horários e conciliar o tempo dedicado às tarefas domésticas, aos cuidados individuais, às responsabilidades escolares e às atividades profissionais. Um grande desafio!

* vídeo desenvolvido no âmbito do projeto BetterTogether, da CITE-Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego, em parceria com o iGen-Fórum Organizações para a Igualdade e com a APAN – Associação Portuguesa de Anunciantes.

A CITE, em simultâneo com a campanha de sensibilização Tempo para termos tempo! recupera o livro “Os Usos do Tempo de Homens e de Mulheres em Portugal”, publicado há 3 anos (2016) que espelha um diagnóstico, com representatividade nacional, dos usos do tempo de homens e de mulheres em Portugal, no que respeita em particular ao trabalho pago e ao trabalho não pago de cuidado.

Em 2019 o tema “o futuro com igualdade” continuará a ser a mensagem para outras efemérides a assinalar pela CITE-Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego, que concretizou quarenta anos de atividade no passado dia 20 de setembro.

#cite40anospelaigualdade

partilhar: FacebookTwitter

voltar »